Clipping de Notícias: 4 dicas de como fazer na era dos dados

  • plataforma completa de gestão online para Assessorias de Imprensa

    O clipping de notícias é uma das atividades mais importantes para os profissionais de relações públicas. 

    Ele consiste em monitorar e coletar as notícias que são relevantes para a sua empresa, marca, produto ou setor.

    • Mas como fazer um clipping de notícias eficiente e estratégico na era dos dados? 
    • Como lidar com a grande quantidade e variedade de fontes de informação disponíveis na internet? 
    • Como analisar e organizar os dados coletados para gerar valor para a sua empresa?

    Neste post, vamos te ajudar a responder estas dúvidas e outras. Confira!

    O que é o clipping de notícias?

    O clipping de notícias é o processo de coletar, organizar e analisar as notícias e as informações que são publicadas sobre a sua marca, os seus produtos, os seus concorrentes e o seu mercado em diferentes mídias, como jornais, revistas, sites, blogs, redes sociais, podcasts, etc.

    O objetivo do clipping é entender como a sua marca é percebida pelo público, quais são as suas forças e fraquezas, quais são as oportunidades e ameaças do seu mercado, quais são as tendências e as novidades do seu setor e como você pode se comunicar melhor com os seus stakeholders.

    Como fazer um clipping de notícias na era dos dados?

    Para fazer um clipping de notícias, você precisa seguir alguns passos:

    1. Defina os seus objetivos e critérios

    O primeiro passo é definir o que você quer alcançar com o seu clipping de notícias e quais são os critérios que você vai usar para selecionar as notícias relevantes. Por exemplo:

    • Qual é o seu público-alvo?
    • Quais são os temas, assuntos ou palavras-chave que você quer monitorar?
    • Quais são as fontes de informação que você quer acompanhar? (jornais, revistas, sites, blogs, redes sociais, podcasts, etc.)
    • Qual é o período de tempo que você quer cobrir? (diário, semanal, mensal, etc.)
    • Qual é o formato que você quer apresentar o seu clipping? (relatório, newsletter, dashboard, etc.)

    2. Escolha as suas fontes e palavras-chave

    Depois de definir os seus objetivos e indicadores, você precisa escolher quais são as fontes e as palavras-chave que você usará para fazer o seu clipping. 

    • As fontes são os meios de comunicação que você vai monitorar, como jornais, revistas, sites, blogs, redes sociais, podcasts, etc. 
    • As palavras-chave são os termos que você vai usar para buscar as notícias sobre a sua marca e o seu mercado nas fontes.

    Você deve escolher palavras-chave e as fontes que sejam relevantes para o seu público-alvo, o seu setor e o seu objetivo. 

    Você pode usar ferramentas como o Google Trends ou o Google Analytics para descobrir quais são as fontes e as palavras-chave mais populares entre o seu público.

    Por exemplo, se você trabalha em uma empresa de tecnologia, você pode escolher fontes como o TechCrunch, o The Verge, o Wired, etc. e palavras-chave como o nome da sua empresa, o nome dos seus produtos, o nome dos seus concorrentes, o nome do seu mercado, etc.

    3. Use ferramentas de monitoramento

    O segundo passo é usar ferramentas tecnológicas que te auxiliem na busca, coleta e organização das notícias. 

    Existem diversas opções no mercado, desde as mais simples até as mais sofisticadas. Algumas delas são:

    • Google Alerts: um serviço gratuito do Google que te envia alertas por e-mail sempre que uma palavra-chave definida por você aparece em algum site indexado pelo Google.
    • Feedly: um aplicativo que te permite criar uma lista personalizada de sites e blogs que você quer acompanhar. Você pode organizar os sites por categorias e receber atualizações em tempo real.
    • Press Manager: nossa plataforma de gerenciamento de relações públicas que te oferece uma solução completa para fazer clipping de notícias. 

    3. Analise e interprete os dados

    O terceiro passo é analisar e interpretar os dados coletados pelo seu clipping de notícias. 

    Você precisa extrair informações úteis e insights que te ajudem a tomar decisões estratégicas para o seu negócio. 

    Algumas perguntas que você pode se fazer são:

    • Quais são as principais notícias sobre o seu negócio ou setor?
    • Quais são as fontes de informação mais influentes ou confiáveis?
    • Quais são os sentimentos, opiniões ou percepções que a mídia e o público têm sobre o seu negócio ou setor?
    • Quais são as oportunidades, ameaças, tendências ou desafios que o seu negócio ou setor enfrenta?
    • Quais são as ações ou recomendações que você pode tomar com base nos dados?

    4. Comunique e compartilhe os resultados

    O quarto e último passo é comunicar e compartilhar os resultados do seu clipping de notícias com as pessoas que precisam saber. Você pode usar diferentes formatos e canais para isso, como os abaixo.

    Formato Características
    Relatório Um documento que resume as principais notícias, dados e insights do seu clipping de notícias. Você pode usar gráficos, tabelas, imagens e outros elementos visuais para tornar o relatório mais atrativo e fácil de entender.
    Newsletter Um e-mail que envia periodicamente as notícias mais importantes e relevantes do seu clipping de notícias. Você pode usar um tom mais informal e pessoal para se comunicar com o seu público.
    Dashboard Uma interface que mostra em tempo real os dados e indicadores do seu clipping de notícias. Você pode usar cores, ícones, barras e outros elementos gráficos para facilitar a visualização e a comparação dos dados.
    Apresentação Uma exposição oral ou escrita que apresenta os resultados do seu clipping de notícias para um público específico. Você pode usar slides, vídeos, áudios e outros recursos multimídia para tornar a apresentação mais dinâmica e interativa.

    Como a Press Manager facilita o processo de clipping de notícias?

    A Press Manager é uma plataforma para relações-públicas e comunicação que oferece diversos benefícios para os profissionais da área. 

    Entre eles:

    • O clipping inteligente, que permite acompanhar as publicações sobre os seus clientes em tempo real, em diferentes mídias.
    • O mailling de imprensa, com mais de 55 mil jornalistas cadastrados e mais de 16 mil veículos de imprensa, o que facilita o contato com estes.
    • A gestão integrada de mailing, releases, sugestões de pauta e follow-ups, que facilita o envio de informações para os jornalistas e o relacionamento com a imprensa.
    • A produção de relatórios personalizados e automatizados, que mostram os resultados das suas ações de comunicação de forma clara e objetiva, com gráficos, tabelas e indicadores.
    • A possibilidade de acessar a plataforma de qualquer dispositivo, seja computador, tablet ou celular, com segurança e praticidade.

    Press Manager é a solução ideal para quem busca otimizar o seu trabalho de relações-públicas e comunicação, economizando tempo e recursos.