5 Passos para contatos mais assertivos

5 Passos para contatos mais assertivos

Como ter contatos mais assertivos de imprensa e garantir que seu tempo será dedicado a quem realmente vai se interessar pela pauta? Nós separamos 5 passos para te ajudar.

Veja como é possível construir uma relação mais saudável com os contatos de imprensa, ganhando assertividade e tempo em 5 passos:

  1. Entenda a dinâmica dos veículos

Não adianta ter muitos contatos e não entender como funciona cada veículo na questão de pauta (tem que não trabalhe com sugestões externas, por exemplo), reuniões para decisão de edições, tipo de assunto, abordagem, entre outros detalhes. Entender a dinâmica do veículo ajuda os contatos realizados a serem muito mais efetivos.

  1. Observe se a editoria tem realmente a ver com sua sugestão

Uma questão importante é que, durante muito tempo, as editorias eram fixas e o mesmo jornalista escrevia sempre sobre um determinado assunto. Hoje em dia, isso mudou muito. E aí, muito assessor comete um erro grave: vou mandar para “variedades” para ver se emplaca, por exemplo. Porém, isso pode gerar sugestões descabidas para muitos jornalistas, que podem simplesmente parar de ver seus e-mails e perder boas pautas, quando chegarem.

  1. Use seu primeiro contato para entender os objetivos do jornalista

Fazer follow up está cada vez mais em desuso, especialmente com as redes sociais e os chats. Mas vale, sim, fazer um contato com o jornalista, para entender quem ele é, onde trabalha e sobre o que escreve. Com essa informação em mãos, é possível enviar pautas muito mais assertivas.

  1. Contrate uma ferramenta confiável de mailing

Ainda há ferramentas confiáveis de mailing? Sim. Aqui na Press Manager, por exemplo, estamos aperfeiçoando o jeito de lidar com os contatos de imprensa, levando em conta as necessidades dos nossos clientes e do próprio jornalista, e também a questão da proteção de dados, que vai ser cada vez mais urgente.

  1. Abuse das redes sociais, mas cuidado com o Whatsapp

As redes sociais, hoje, funcionam muito bem para que a sugestão de pauta chegue a mais pessoas. Se não for uma exclusiva, claro. Então, use e abuse delas quando tiver sugestões pulverizadas. Mas tome muito cuidado com o uso de mensagens diretas via chat para jornalistas, especialmente pelo Whatsapp. Veja se ele realmente quer que esse meio de comunicação seja usado.

Por conta dessas mudanças todas, é preciso ter novas estratégias de divulgação, e entender o que o jornalista deseja e como ele quer ser abordado é fundamental. Aproveite e tome um tempo para conversar com ele, para questionar. E conte com a gente para garantir contatos cada vez mais corretos e assertivos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-image: url(https://www.pressmanager.com.br/wp-content/uploads/2017/07/login-page-3.jpg);background-size: initial;background-position: top center;background-attachment: fixed;background-repeat: no-repeat;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 650px;}div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container.dfd_stun_header_vertical_parallax {-webkit-transform: -webkit-translate3d(0,0,0) !important;-moz-transform: -moz-translate3d(0,0,0) !important;-ms-transform: -ms-translate3d(0,0,0) !important;-o-transform: -o-translate3d(0,0,0) !important;transform: translate3d(0,0,0) !important;}